Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Letras Aventureiras | Por João e Luís Jesus

De João Jesus e Luís Jesus, nomeados os mais jovens escritores portugueses em 2016.

16
Fev18

Resenha da 2ª Temporada da Série "The Walking Dead"

João Jesus e Luís Jesus

Walking-Dead_510.jpg

Hoje trago a resenha de outra temporada de uma outra série que também estou a acompanhar.

Esta série é uma das mais famosas na actualidade e uma das mais vistas. Decidi assistir a esta famosa série devido à grande "seca" que estou apanhar na sétima temporada de "Supernatural", outra série que adoro, mas esta temporada está a ser fraquinha.

"The Walking Dead" é uma série que quase toda a gente deve ter ouvido falar. Esta série é focada num grupo de sobreviventes ao apocalipse zombie que destrui quase por completo o planeta inteiro.

Gostei muito desta temporada, teve muitos momentos marcantes e a entrada de personagens maravilhosas e torço para que nenhuma delas morra.

Recomendo muito esta série apenas para pessoas que não tenham um certo nojo de ver um tipo de monstros a devorar pessoas, onde se vê imenso sangue e etc...

A segunda temporada inicia-se com o grupo de Rick constítuido por Daryl Dixon, Lori, Carl, Andrea, Carol, T-Dog, Shane, Carol, Sophia, Glenn e Dale a fugir de uma terrível explosão no CCD, onde lá ficaram alguns dos seus amigos que não aguentavam mais fugir.

Eles ficam sem rumo e decidem partir para Fort Benning, onde acham que é seguro. Eles vão pela Interestadual 85, onde existe um enorme número de carros destruídos e gente morta.

Enquanto procuram comida e outras coisas úteis, o grupo dá conta que um enorme grupo de "walkers" (zombies) se aproxima. Eles escondem-se rapidamente em baixo de alguns carros e esperam que o grupo passa.

Tudo corre bem, excepto T-Dog que faz um corte enorme no braço e tem uma hemorragia enorme. O grupo de "walkers" afasta-se e Sophia sai de debaixo do carro, mas um walker aparece e Sofia corre para a floresta aos gritos, atraindo alguns walkers que ficaram para trás.

Rick corre atrás de Sophia para a tentar salvar e pede que esta se esconda num sítio que ele indica até ele voltar. Ele vai atrás dos walkers com a intenção de os matar, enquanto Sophia fica escondida, mas esta desobedece à ordem e sai do esconderijo.

Shane está muito alterado nesta temporada. Ele guarda uma fúria enorme dentro de si, devido a Rick, que voltou e fez com que Lori e Carl já não lhe dessem tanta atenção. Shane convence-se que deve matar Rick, para ficar com Lori de volta.

Sophia desaparece e o grupo organiza várias buscas por ela na floresta todos os dias e Daryl participa em todas, pois quer muito encontrar a menina devido a vários episódios parecidos da sua infância. 

Mas numa das buscas, Carl é alvejado sem querer por Otis, que caçava um veado. Rick, Shane e Otis tentam salvar Carl, levando-o para uma quinta próxima sem walkers, onde Otis vive com mais alguns sobreviventes.

O que irá acontecer? Estará tudo bem com Sophia? Conseguirão salvar Carl? Shane conseguirá concretizar o seu desejo obscuro?

Esta temporada é simplesmente fantástica e a entrada das novas personagens é muito boa! Adorei!

 

20916630_852581441564418_1179582757_n.png

15
Fev18

Resenha da 1ª Temporada da Série "Riverdale"

João Jesus e Luís Jesus

riverdale-poster.png

Eu estava muito curioso em relação a uma série que está a ganhar popularidade este ano. 

Essa série é uma adaptação, porém muito diferente, das bandas desenhadas e desenhos animados de "Archie Comics", que falam sobre um menino ruivo, Archie,  e as suas aventuras com os seus amigos.

A série chama-se "Riverdale" e certamente, já devem ter ouvido falar. Esta série este a tornar-se muito popular este ano, com a sua segunda temporada.

Eu adorei a série! Comecei a assistir pois uma prima minha adora e pediu-me muito para ver pelo menos o piloto. Eu assisti e viciei completamente.

Gostei muito da 1ª temporada e a segunda também não está nada má. "Riverdale" é muito diferente das bandas desenhadas, pois a série adquiriu um tom mais sombrio, com temas realistas sobre a vida adolescente.

Gostei e sugiro que assistam a série, pois é muito interessante e divertida. Tem momentos para tudo e faz-nos pensar em várias coisas e suspeitar de todas as pessoas.

A história da 1ª Temporada de "Riverdale" é sobre uma morte misterioso na pequena cidade de Riverdale. Supostamente, Riverdale é uma daquelas cidades onde tudo parece maravilhoso, mas por debaixo da capa esconde muitas mentiras e guerras.

Riverdale é assombrada pela misteriosa morte de Jason Blossom no dia 4 de maio. Jason é o filho da família mais poderosa da cidade, os Blossom que são conhecidos pelo seu xarope de ácer. 

Cheryl Blossom, irmã gémea de Jason, conta que eles foram passear nesse dia pelo Sweetwater River num barco e que de repente, este virou e os dois irmãos perderam-se nas águas.

A polícia varre o rio inteiro e não encontra absolutamente nada e dão-o como morto.

Toda a Riverdale é marcada por esta morte e no primeiro dia de escola. Archie Andrews, um rapaz de cabelos ruivos, prepara-se para entrar no curso de música, uma paixão que adquiriu no verão. 

A sua melhor amiga, Betty Cooper, tem como objetivo conquistar Archie com a ajuda do seu melhor amigo gay, Kevin. 

Mas, uma nova rapariga chega à cidade, Veronica Lodge, filha de um empresário rico, Hiram Lodge, que foi preso. Veronica muda-se para um hotel em Riverdale, com a sua mãe, Hermione. 

Veronica fica encarregue de buscar o jantar no "Pop's", um famoso restaurante em Riverdale conhecido pelos seus batidos deliciosos e hambúrgueres. Nesse momento, Veronica conhece Archie e Betty, que jantam no restaurante. Betty preparava-se para se declarar a Archie, mas este fica hipnotizado por Veronica e ela desiste dessa ideia.

No dia seguinte, Betty e Veronica inscrevem-se para a claque da escola e preparam-se para fazer uma demonstração das suas habilidades a Cheryl, a líder da claque. Mas Cheryl é conhecida na escola por ser uma cobra e rejeita Betty para a claque e aceita Veronica.

Mas Veronica fica indignada e começa uma luta com Cheryl e obriga-a a aceitar Betty na claque, pois Betty já tinha concorrido imensas vezes mas Cheryl recusava-a sempre.

Cheryl é obrigada a aceitar e Betty e Veronica tornam-se melhores amigas.

Archie tenta entrar no curso de música, mas é recusado, pois a sua professora teve um caso com ele no Verão e recusa começar um de novo. 

Porém, a escola recebe a notícia que o Baile de Boas-Vindas foi cancelado devido à morte de Jason, mas Cheryl convence o diretor a não cancelar a festa e transformá-la numa festa em honra de Jason. O diretor aceita o pedido. 

A festa começa e é aqui que conhecemos Jughead Jones, o narrador da série. Ele era o melhor amigo de Archie mas estes tiveram uma zanga no Verão. Archie quer voltar a ser amigo de Jughead e os dois tentam começar de novo.

Depois da festa, Cheryl convida todos da escola para casa dela para um jogo, onde ela deseja formar confusão entre Betty e Archie. Cheryl desafia Archie e Veronica a ficarem num armário, trancados por alguns minutos para supostamente, eles traírem Betty.

No final dos minutos, Veronica beija Archie e Betty descobre, fugindo para casa. 

Ao final da noite, Kevin e Moose, um rapaz do futebol, vão para o Sweetwater River supostamente para ter diversão no rio, mas descobrem o corpo de Jason a flutuar na água com uma marca de bala na cabeça.

E é aí que começa todo o enredo da série, que gira em volta deste crime e todos são suspeitos. Recomendo imenso!

 

20916630_852581441564418_1179582757_n.png

09
Fev18

Resenha do filme "Star Wars - Os Últimos Jedi"

João Jesus e Luís Jesus

the-last-jedi-theatrical-poster-film-page_bca06283

Para quem não sabe, eu sou um enorme fã de "Star Wars" e estava há muito tempo à espera de ver o novo filme que saiu em dezembro nos cinemas portugueses.

Queria muito ver aquele filme, detestado por imensos fãs de uma das sagas mais famosas de sempre. Eu pelo menos, adorei o filme e fiquei muito indignado ao saber que existe gente tão estúpida ao ponto de fazer uma petição para retirar este maravilhoso filme da saga "Star Wars". Sinceramente...

"Star Wars - Os Últimos Jedi" é o penúltimo filme da nova trilogia de filmes desta famosa saga, um dos filmes mais esperados este ano. 

Eu estava em pulgas para ver o filme, queria imenso saber o que iria acontecer, devido ao final fantásticamente maravilhoso do filme anterior.

Adorei o filme. Este focou-se mais na Resistência e em Leia Organa, também derivado à morte da atriz Carrie Fisher que a representava. A personagem principal, Rey, foi menos destacada neste filme, pois queriam mostrar mais a luta da Resistência contra a Primeira Ordem. Mesmo assim, adorei o resultado final.

Quero ver outra vez o filme, porque está mesmo incrível, apenas com algumas falhas, mas está muito bom. 

Recomendo mais uma vez a assistirem a esta famosa saga, pois transmite uma mensagem muito inspiradora.

Este filme começa exatamente onde o outro terminou. 

Finn ainda está em coma e Leia e os Rebeldes estão a ser perseguidos pela Primeira Ordem que está prestes a apanhá-los. Leia manda Poe, o seu melhor Rebelde, destruir os canhões da nave da Primeira Ordem, mas este vê uma oportunidade de destruir a nave inteira e contra as ordens de Leia, ele e mais alguns Rebeldes destroem a nave. 

Rey está em Ahch-To, a ilha onde Luke, o último Jedi está escondido há muito tempo. Rey oferece-lhe o seu sabre antigo, mas Luke recusa e afasta-se de Rey.

Esta não desiste dele e tenta convencê-lo a ir ajudar a Resistência e a treiná-la para ser uma Jedi. Mas Luke não quer devido a erros no passado, com Kylo Ren, seu antigo aprendiz que sucumbiu ao Lado Negro.

Kylo Ren quer destruir a Resistência, Rey e Luke, mas Snoke, o seu mestre acha que este está a voltar para a Luz. 

A Resistência começa a ser perseguida incansávelmente por Kylo Ren e este descobre que ele e Rey têm uma ligação e conseguem falar à distância.

Recomendo muito este filme.

 

20916630_852581441564418_1179582757_n.png

18
Jan18

Resenha da 1ª Temporada da Série "The Walking Dead"

João Jesus e Luís Jesus

the-walking-dead-poster.jpg

Hoje trago a resenha da primeira temporada de uma das série mais faladas do momento.

Confesso que já fui grande fã do seu spinn-off, "Fear The Walking Dead", mas começou a ser tão repetitivo, tão maçador que deixei de ver.

Mas agora, devido a uma série de jogos da Telltale Games (Para quem não conhece, esta companhia produz jogos de point-and-click, jogos em que tu decides o rumo da tua história. Sou um grande fã!) com o mesmo nome da série: "The Walking Dead".

Como a última temporada do jogo, sim porque os jogos de point-and-click são divididos em temporadas, ainda não saiu, resolvi atrever-me a ver outra vez o primeiro episódio da série "The Walking Dead", porque eu já tinha visto uma vez o primeiro episódio mas foi há muito tempo.

Conclusão: adorei! Fiquei completamente preso à série e em dois dias acabei a primeira temporada, de apenas seis episódios. Não tem quase nada de parecido com o início da série "Fear The Walking Dead".

Recomendo muito, mas tenham cuidado, pois existem cenas que são quase para vomitar.

A série começa com Rick numa gasolineira à procura de combustível. Estão muitos carros parados e atravessados nos caminhos e vê-se um grande rasto de destruição. 

Ele não encontra combustível e quando se prepara para se ir embora, vê uma criança com um urso de peluche na mão e a fugir dele. Ele chama por ela e quando ela se vira, ele repara que ela é um zombie. 

Para a matar, ele dá-lhe um tiro na cabeça.

A cena muda e deparamo-nos com Rick e o seu amigo Shane no carro da políca, pois ambos trabalham lá. Eles estão a almoçar e a falar sobre mulheres e é aí que recebem um aviso que dois homens estão em fuga.

Eles conseguem chegar a tempo à estrada onde os dois homens se preparam para ir e conseguem fazer com que o carro pare.

Os dois homens começam um tiroteio entre a polícia e eles. Rick consegue alvejar os dois com ajuda de Shane e os seus colegas, mas de repente aparece um terceiro homem que o alveja. Rick desmaia.

Passado algum tempo, Rick acorda na cama do hospital, passado muito tempo desde o acidente. Ele esteve em coma.

Ele chama por ajuda mas ninguém o ouve. Ele levanta-se da cama e quando sai do quarto depara-se com uma enorme destruição no hospital e muito silêncio.

Ele tenta sair do hospital, mas depara-se com um aviso estranho numa porta que diz que tem mortos dentro e para não abrir. Ele vê umas mãos estranhas e ouve grunhidos.

Ele foge para o exterior e aí descobre que quase todos estão mortos e que existem umas criaturas estranhas a que chamam "walkers" que comem as pessoas. Rick decide que tem de encontrar a sua mulher e o seu filho o mais cedo possível.

Uma coisa onde fiquei surpreso foi que os zombies são caracterizados como lentos, estúpidos e essas coisas assim, mas em "The Walking Dead" eles correm e até lançam pedras aos vidros das lojas.

Mas mesmo assim, recomendo muito esta série, pois até é interessante.

 

20916630_852581441564418_1179582757_n.png

21
Dez17

Resenha do filme "Star Wars - O Regresso do Jedi"

João Jesus e Luís Jesus

580533.jpg

Para quem ainda não sabe, sou um grande fã de Star Wars.

Quando era pequeno eram muitas as publicidades que passavam na televisão sobre naves brinquedo de Star Wars, bandas desenhadas de Star Wars, tudo de Star Wars...

Então há cerca de três anos resolvi ver um filme da tão famosa saga. Comecei por "O Império Contra-Ataca", pois diziam que era o melhor.

Gostei, mas passado muito tempo é que tive vontade de me agarrar outra vez e dessa vez comecei pelas prequelas. 

Só que depois de ver pela segunda vez o "Império Contra-Ataca", não me apeteceu ver logo de seguida o "Regresso do Jedi", então esqueci-me um pouco da saga.

Porém, esta semana saiu um novo filme de Star Wars: "O Último Jedi". Lembrei-me outra vez que ainda me faltava ver o outro e vi-o ontem. Mal posso esperar por ver "O Despertar da Força", parece estar fantástico.

Gostei muito deste filme! Claro que os efeitos especias de antigamente não tinham nada a ver com os de agora, mas até estão aceitáveis.

É um filme muito divertido para quem gosta do espaço e de fantasia, eu gosto de ambos. 

Recomendo que vejam todos esta saga, pois é muito divertida. Tem momentos para rir, para chorar e para torcer por alguns personagens.

"O Regresso do Jedi" começa após Luke fugir de Cloud City, após descobrir que Darth Vader era o seu pai. Han Solo é preso em gás carbonite e é vendido ao poderoso Jabba, The Hutt, que vive em Tatooine.

Leia, Luke, R2-D2 e C3PO, regressam a Tatooine para resgatar Han Solo e finalmente por um fim no Lado Negro da Força.

Por outro lado, Vader é cada vez mais assombrado por sentimentos de compaixão com o filho e teme que esteja a sair do Lado Negro. Ele está a construir uma nova Estrela da Morte, ainda mais mortífera que a anterior. Porém, a construção desta está lenta e o Imperador Palpatine, o chefe do Lado Negro da Força, é obrigado a ir ver o que se passa com esta e ao mesmo tempo, tentar atrair Luke para o Lado Negro.

Em Tatooine, Luke manda C3PO e R2-D2 irem ao palácio de Jabba tentar negociar e recuperar Han Solo. Jabba não concorda e faz com que os dois andróides sejam seus súbditos.

Então, Leia disfarça-se em caçadora de recompensas e leva Chewbacca consigo. Jabba aceita Chewbacca e Leia na sua corte e de noite, Leia tenta salvar Han Solo, mas era tudo uma cilada e Jabba prende-a e obriga-a a gostar dele.

Então, Luke é forçado a aparecer e tenta libertar os amigos, mas Jabba consegue derrotá-lo e faz Luke cair num poço onde se encontra um monstro.

Luke derrota o monstro, mas Jabba sentencia-o e aos seus amigos à morte no deserto, comidos por uma criatura que

os irá digerir lentamente durante milhares de anos.

Será que Luke conseguirá escapar? Irá derrotar o seu pai, Darth Vader? Irá ele sucumbir ao poder do Lado Negro?

Vejam este filme porque apesar de ser antigo, é muito divertido!

 

20916630_852581441564418_1179582757_n.png

 

Mais sobre nós

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

João Jesus

Chamo-me João Jesus. Sou escritor e blogger! Sou português e habito num concelho do distrito de Vila Real! A leitura, a escrita e o filme são as minhas grandes paixões.

letrasaventureiras@sapo.pt

Luís Jesus

Chamo-me Luís Jesus. Sou ilustrador e blogger. Adoro ilustração e tecnologia. Apesar de ser ainda novo, o meu sonho é licenciar-me em engenharia informática e visitar países como a Austrália, Singapura, China e EUA.

letrasaventureiras@sapo.pt

Direitos de Autor

Plágio é CRIME! Não me importo que utilizem os meus textos desde que os identifiquem com o nome pelo qual os escrevo ou o link do blogue. As fotografias que utilizo são retiradas da internet, no entanto, se houver alguma fotografia com direitos de autor: estes não serão esquecidos. Obrigada!

Autora do Banner

DESIGNED BY JOANA ISABEL