Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Letras Aventureiras

De João Jesus e Luís Jesus, nomeados os mais jovens escritores portugueses em 2016.

07
Jun17

"Permanência Contraditória" - Ana Ribeiro

João Jesus e Luís Jesus
Contraditória
Eram os seus dezoito o anos. A ansiada entrada na maioridade e poder voar para longe do controlo dos pais. Finalmente ia ter idade para fazer aquele interrail com os amigos e também para tirar a carta de condução. Já podia sair até mais tarde e pensar em assumir um namoro a sério. Há meses que Inês não falava noutra coisa. Ia ser a festa do ano: com todas as amigas juntas, jantar na esplanada de sempre e claro noitada de discoteca. Isso não poderia faltar.

Afinal de contas dezoito anos só se fazem uma vez na vida. No entanto, apesar de toda a euforia que sentia, a sua data de aniversário também lhe trazia alguma nostalgia: fazia-a pensar em Tiago. Em tempos tinham sido os melhores amigos, tinham andado juntos na escola desde o infantário e Inês achava que a amizade dele seria daquelas amizades que iria durar toda uma vida. Mas, infelizmente, acabou por enganar-se.

Fazia 15 anos, aquela idade no cerne da adaptação a todas as mudanças inerentes à adolescência, quando percebeu que muitas vezes há amizades e pessoas que não permanecem na nossa vida para sempre. Tiago estava mudado. Já não queria fazer planos a sós com ela, nem lanches a dois ao fim da tarde, já não era tão cúmplice e tão chegado. Andava distante. Mais importante que a amizade que o unia a Inês. eram as partidas de futebol com os amigos e as investidas de Carlota. Para Inês, o afastamento inesperado de Tiago marcou-a profundamente. Aquela tinha sido uma amizade que lhe tinha oferecido uma tremenda desilusão, ainda se falaram durante uns tempos; mas já não era a mesma coisa. Faltava a magia de outros tempos, aquele elo de ligação, a união coesa dos primórdios.

Por isso, Inês tomou a difícil decisão de se afastar, já não fazia sentido tentar manter-se em sintonia com Tiago. Já não fazia sentido remar contra a maré. Desde esse fatídico desfecho, no dia do seu aniversário, passaram-se três anos. Nada mais soube sobre Tiago. Cruzavam-se ocasionalmente no Facebook, no Instagram e noutras redes sociais e até mesmo na escola; mas o ambiente tornara-se comprometedor. Vazio. Oco. Eram agora dois perfeitos desconhecidos que tentavam a todo o custo evitar-se.

Tiago namorava com Carlota e parecia feliz. Inês ainda procurava a sua alma gémea.

Curiosamente, sentia-se sempre ansiosa no dia dos seus anos. Se por um lado, esperava ansiosamente por um contacto de Tiago, algo que a fizesse perceber que afinal ele ainda não a tinha esquecido. Por outro lado, tinha medo do momento em que esse contacto fosse uma realidade palpável. Era fazer renascer a mágoa do passado que havia adormecida em si. Tentava fazer-se acreditar que Tiago já não se lembrava daquela data tão sua.

O grande dia chegou carregado de telefonemas, de mensagens escritas no telemóvel e no Facebook. Era difícil dar conta de tudo; mas Inês estava feliz por facilmente perceber que estava rodeada de grandes pessoas que naquele dia tão especial faziam por não se esquecer dela. Sempre ajudava a não manter Tiago na memória, isso parecia ser o mais importante. Aquele dia estava a ser uma azáfama por entre os inúmeros detalhes para a grande noite que se avizinhava, Inês já estava há uma boa meia hora trancada no quarto a tentar escolher o melhor vestido, no entanto, não havia forma de se decidir. 

Em cima da secretária o portátil estava ligado, aberto no seu perfil do Facebook; para ir estando a par das mensagens que iam chegando e assim poder agradecer uma a uma. Tinha medo de se esquecer de alguém mais tarde. De repente, uma nova notificação que a fez estremecer… Era do Tiago. Afinal de contas, tinha-se lembrado daquele dia. A mensagem era simples, cordial e directa: umas simples felicitações; no entanto, não deixou de mexer com ela. Tinha-a deixado confusa. Há praticamente três anos que Tiago não queria saber dela, nunca tinha tido um telefonema ou uma mensagem para lhe enviar, tinha simplesmente seguido com a sua vida para a frente. E agora tinha decidido lembrar-se que ela existia. Qual seria o motivo?
Na verdade, ela continuava a gostar dele; mas sentia-se magoada e triste pelo facto de só agora ele se lembrar dela. Nos últimos três anos tinha-se esquecido por completo. Quando menos esperava o chat do facebook começou a piscar: era ele. Aquela ousadia fez com que ela quase paralisasse. Sentou-se à secretária e enviou um Olá tímido. Tiago demorou a responder. Perguntou como estava e felicitou-a novamente.

Depois de um silêncio curto, surgiu o convite para um café. Inês ficou renitente em aceitar. Será que faria sentido.

Não queria misturar sentimentos, não queria alimentar mais o alvoroço em que o seu coração se encontrava, mas, decidiu aceitar. Havia curiosidade e expectativa; mas também receio de nova mágoa e desilusão.

Precisava de perceber os motivos daquela permanência contraditória e súbita dele na sua vida.

E esperava que aquele café inofensivo lhe trouxe um sem fim de novas respostas…

Texto de Ana Ribeiro, escritora e blogger do blog "Escreviver"

2 comentários

Comentar post

Mais sobre nós

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

João Jesus

Chamo-me João Jesus. Sou escritor e blogger! Sou português e habito num concelho do distrito de Vila Real! A leitura, a escrita e o filme são as minhas grandes paixões.

letrasaventureiras@sapo.pt

Luís Jesus

Chamo-me Luís Jesus. Sou ilustrador e blogger. Adoro ilustração e tecnologia. Apesar de ser ainda novo, o meu sonho é licenciar-me em engenharia informática e visitar países como a Austrália, Singapura, China e EUA.

letrasaventureiras@sapo.pt

Direitos de Autor

Plágio é CRIME! Não me importo que utilizem os meus textos desde que os identifiquem com o nome pelo qual os escrevo ou o link do blogue. As fotografias que utilizo são retiradas da internet, no entanto, se houver alguma fotografia com direitos de autor: estes não serão esquecidos. Obrigada!

Autora do Banner

DESIGNED BY JOANA ISABEL

Ranking