Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Letras Aventureiras | Por João e Luís Jesus

De João Jesus e Luís Jesus, nomeados os mais jovens escritores portugueses em 2016.

13
Dez17

"Gestos de Amor" - Ana Ribeiro

João Jesus e Luís Jesus

066ac-hands_by_laureno9100.jpg

 Amo-te. Sim, A-M-O-T-E. Soletrando devagar o que sinto.

É só isso que hoje me apetece escrever, sussurrar ao teu ouvido, descrevê-lo no teu corpo. Sobre o qual me apetece pensar, no sentido que essa palavra tem, na forma que apresenta, as curvas que tem, a loucura que desencadeia na minha vida quando te toco, quando me envolvo em ti e te percorro.

O que é afinal o amor? Tu sabes o que é?

Então faz um esboço para mim, tenta desenhá-lo em mim.

O amor é um pedaço. Um fragmento do nosso ser. Todos temos um pedaço de nós escondido algures numa recôndita parte daquilo que somos, da nossa existência. É aquele pedaço de nós, que diz o que pensa e que faz o que não deve, sem fazer nem dizer nada em concreto, intervém de mansinho sem ser solicitado e mesmo sendo tão pequenino e tantas vezes frágil e sensível consegue ser forte o suficiente para mexer com tudo. É o centro de todas as emoções, memórias e recordações e sente tudo o que nós sentimos e nem faz por disfarçar. Demonstra-o bem. Faz-nos marcar a diferença por expressarmos tudo de uma forma tão única. Este é o pedaço de mim que partilho contigo, é o pedaço de nós que deixas em mim, que reforças em mim. Que cuida sempre de mim. Que te dou. Seres parte de mim. Ai… O amor. O amor é amar. Amar-te. E amar, essa forma por vezes ingrata de viver, é uma dor de alma. Amar é estar contigo. É estar longe de ti e mesmo assim continuar a amar-te como sempre. É esperar-te. Desesperar-te. Contar contigo e tu não dizeres nada. Procurar-te. Ver através do silêncio e do vazio. Amar-te, por vezes, é como uma folha de papel em branco, suave e leve como uma pena, doce de maresia. Inconstante. Incerto. Permanente. Para sempre. Amar-te, é só um pedaço de nós, uma palavra. E nessa palavra, onde estou eu, cabes só tu.

 

Texto de Ana Ribeiro, escritora e blogger do blog "Escreviver"

 

5 comentários

Comentar post

Mais sobre nós

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

João Jesus

Chamo-me João Jesus. Sou escritor e blogger! Sou português e habito num concelho do distrito de Vila Real! A leitura, a escrita e o filme são as minhas grandes paixões.

letrasaventureiras@sapo.pt

Luís Jesus

Chamo-me Luís Jesus. Sou ilustrador e blogger. Adoro ilustração e tecnologia. Apesar de ser ainda novo, o meu sonho é licenciar-me em engenharia informática e visitar países como a Austrália, Singapura, China e EUA.

letrasaventureiras@sapo.pt

Direitos de Autor

Plágio é CRIME! Não me importo que utilizem os meus textos desde que os identifiquem com o nome pelo qual os escrevo ou o link do blogue. As fotografias que utilizo são retiradas da internet, no entanto, se houver alguma fotografia com direitos de autor: estes não serão esquecidos. Obrigada!

Autora do Banner

DESIGNED BY JOANA ISABEL